terça-feira, 1 de janeiro de 2013

0

Dia da fraternidade universal por João Batista Freire


Primeiro de janeiro de 2013. Que dizer quando um ano se vai e outro toma seu lugar, desde que resolvemos dar nomes ao tempo, chamando-o de séculos, anos, meses, dias…? Parece que para a maioria dos chamados humanos o nome ano é, de todos os do tempo, o mais apreciado. Fazemos grandes festas quando um se vai e outro se chega. Uns poucos de nós se deprimem. É provável que os da festa e os da depressão nem saibam das razões que os movem. De minha parte, alegro-me vendo pessoas rindo, fogos explodindo, passantes que me desejam feliz Ano Novo. Não importa que aconteça só em um dia, em poucos segundos, porque, por vezes abro mão de nomear o tempo e deixo-me navegar em suas ondas imensuráveis. Primeiro de janeiro, dia da Fraternidade Universal. Não sou daqueles que exigem um tudo ou um nada. Não importa que a fraternidade dure apenas um dia, mas que dure. Um dia não é pouco. Quando, um dia que seja, formos todos realmente fraternos, mudarão os rumos do mundo.

0 comente esta postagem:

Postar um comentário

Agora é com você. Você concorda? Diga aí o que achou desta postagem?

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

 
Powered by Blogger