quinta-feira, 11 de abril de 2013

2

A FALTA DE SINAL EM MINHA VIDA...


Mais preocupante do que a falta do sinal da operadora que nos dá cobertura de sinal de celular, é a forma condicionada com que fiquei em relação ao celular sem uso prático. E pensar que ainda bem pouco tempo não tinha um, e, agora me desespero pela falta de seu sinal...

O que me faz esbravejar e entrar em descompasso pela abstinência de seu uso?

Qual o real sentido de meu apego pelas trivialidades dos colóquios travados via celulares sem vida e virtuais tanto quanto seu frágil sinal...?

O que me faz perder a naturalidade da beleza que é a dos olhos nos olhos e a alma das conversas tidas em pessoa...?

O que me tornei por ter me feito escravo da “betalização” de um serviço que proporciona a mim a gratuidade do que não tem preço, minha solidão...?

Qual o meu mundo que não o da voz digitalizada recebida e enviada sem que necessária seja pra mim...?

O que me faz sentir mais distante pela falta de um sinal de operadora, se quem desejo está mais próximo do que eu possa perceber e ir ao seu encontro com a estampa do sorriso convidativo...?

Estou sem sinal, onde estou...?

Quem sou...?




Gostou???? Pois comente!!!!

2 comente esta postagem:

Esporte e Cidadania disse...

O P I N A D O R

Opina quem tem o mote
Quem sabe da ladainha
Quem tem a ponta da linha
É dono do carretel

Opinativo revel
Que tem a sabedoria
Escreve com maestria
Poeta que não se cala

Se fica marca de bala
No peito de quem atira
Mantenha a alça de mira
em endereço na rua

Tanto a minha quanto a tua
São rimas provenientes
Da veia dos ascendentes
Provavelmente deixadas

Amo tuas opinadas
Não te deixe com mordaça
Não te curve a ameaças
Teu oficio é opinar

E para finalizar
Este meu pobre recado
Mando um abraço apertado
De quem muito te estima
O meu verso se ultima
Mas foi um grande barato
Entrar no anonimato
Pra te mandar esta rima!!!

Esporte e Cidadania disse...

Sabias palavras, porém como não sei quem é você irei postar como um das nossas postagens do Blog...

Postar um comentário

Agora é com você. Você concorda? Diga aí o que achou desta postagem?

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

 
Powered by Blogger